Sexualidade e Verossimilhança (2/3)

Por Roberto Lasneau Perfil:  http://fanfiction.com.br/u/205844/ No post anterior, vimos as dificuldades mais comuns em se represe...


Por Roberto Lasneau

No post anterior, vimos as dificuldades mais comuns em se representar a homossexualidade nas fanfics. Falou-se sobre a sociedade heteronormativa (que está acostumada com a heterossexualidade) e os fundamentos do pré-conceito.
Seguindo a mesma linha do post anterior, este post tratará dos mesmos tópicos, porém, dessa vez, tratando-se de Bissexualidade e Assexualidade.
Parte 2.1 – Bissexualidade
Desmistificando os conceitos da bissexualidade
Bissexualidade é uma transição para a homossexualidade – Muitos pensam que, ao a pessoa se descobrir homossexual, ela primeiro passa por uma transição bissexual (como se fosse mudar aos poucos). Não, não é assim. Apesar de existirem homossexuais que usaram a bissexualidade como uma fase de transição (e isso, inclusive, é muito retratado em algumas fics e não há problema algum), os bissexuais em si não possuem esse pensamento. Eles simplesmente sentem atração pelos dois gêneros.
Bissexuais são um bando de indecisos! – Não! Eles não são indecisos. Muito pelo contrário, eles se decidem muito bem pelo fato de reconhecerem que são adeptos aos dois sexos. Alguns bissexuais podem ter mais atração homossexual do que heterossexual, mas isso não os torna indecisos, claro que não.
Bissexuais são mais promíscuos, afinal, eles pegam de tudo – Também não funciona assim. A sexualidade não define as pessoas, portanto, ser promíscuo (ou não ser) não é algo que é ditado por bi, homo ou heterossexualidade, não é algo que pode se relacionar assim; não funciona com essas proporções. Sua personagem bissexual pode muito bem conseguir, naturalmente, estabelecer relações monogâmicas e duradouras como qualquer outra.
Sexo: a necessidade e o ato
O que mais se discute, na bissexualidade, em relação ao sexo é o grande questionamento: “Um bissexual, quando, por exemplo, está se relacionando com uma mulher, sente falta das relações com os homens?”.
Não. Não funciona assim. Usando o caso como exemplo, se sua personagem for bissexual e estiver num relacionamento com uma mulher e quer levá-lo mais adiante (popularmente conhecido como o relacionamento sério), ela não sentirá falta das relações com os parceiros masculinos.
Por que não?”
Sentir atração pelos dois sexos não significa, necessariamente, que essa atração é simultânea e contínua. Didaticamente falando, supondo que você goste de maçã e chocolate, isso não significa que, necessariamente, você goste de comer os dois juntos (o gosto, para você, pode não ser algo agradável). É exatamente assim que funciona. Não se esqueça de que sua personagem é humana e seres humanos não seguem regras exatas e constantes.
Mini F.A.Q. sobre bissexualidade
Perguntas para ajudar na aplicação do tema em fics
01 – Muitos adolescentes costumam experimentar os dois lados apenas por experiência mesmo. Numa festa, por exemplo, eu quero retratar todo esse envolvimento, então devo colocar, nos avisos, que tem Bissexualidade?
No caso do Nyah, creio eu que colocar nos avisos o termo “Bissexualidade” é avisar que uma mesma pessoa tem relações com pessoas dos dois sexos. No entanto, não vamos confundir “curiosidade” com “bissexualidade”. Na adolescência, é muito comum que as pessoas experimentem mesmo, às vezes por vontade própria, às vezes para agradar a expectativa de um grupo, mas isso não tem muito a ver com a Bissexualidade. Pelo contrário, é um jeito de assimilá-la, erroneamente, com promiscuidade.
02 – Se a minha personagem é um homem bi, mas, na fic, ele só se envolverá com homens, eu posso denominá-lo, na história, como gay?
Não. Não significa que, por um homem bi estar se relacionando com outro homem, que ele seja gay: ele continuará bi. Apesar de, no caso, ele não sentir falta de um relacionamento com uma mulher, isso não significa que ele vai deixar de achá-las atraentes.
03 – Eu li em algum lugar sobre pansexualidade, uns dizem que é um ramo da bissexualidade, outros dizem que não é. O que é, como funciona, seria interessante eu trazer isso para uma fic?
Muito se fala sobre a tal da pansexualidade, eu não diria que é um ramo da bissexualidade, pois ela tem características próprias. A pansexualidade seria a atração por tudo e por todos, sem muitas restrições. Uns relatam que essa atração envolve desde pessoas até mesmo objetos, outros já dizem que é só uma forma de sentir atração por qualquer tipo de humano (saindo do conceito de gênero). Para uma fic, minha recomendação é simplesmente atuar como alguma cena em específico, uma característica mais relevante, mas não aconselho a fazer disso o foco principal da sua fic.
Parte 2.2 – Assexualidade
Primeiramente, o que seria a assexualidade? Uns já notam logo o prefixo “a” e dizem: a não atração por pessoas. Não é bem assim, não tão geral assim. Não se atrair sexualmente com alguém não significa uma não atração em geral. E isso será visto aqui:
Assexuais x Arromânticos
Arromânticos são as pessoas que não sentem atração afetuosa (amorosa) por outras. No entanto, assexuais já são aqueles que não sentem atração sexual por outras, mas que podem, naturalmente, desenvolver a atração afetuosa.
Assexuais românticos podem ser classificados como “heterorromânticos”, “homorromânticos” e “birromânticos”. Com a nomenclatura clara, indica com quem eles sentirão essa atração afetuosa.
Assexuais arromânticos não são necessariamente infelizes. A maioria prefere manter relações amistosas e ficam muito bem com isso. Amor/sexo não é de grande valor e isso pode parecer estranho diante da nossa sociedade.
Sexo: a necessidade e o ato
O assexual não sente a necessidade em praticar o sexo. Eles podem, sim, casar-se, manter uma união estável sem depender do sexo. No entanto, nem sempre assexuais se casam com outros assexuais e alguns fazem um certo sacrifício para agradar o parceiro de vez em quando.
É importante ressaltar que a falta de atração pelo sexo não significa infelicidade, insatisfação, etc. É simplesmente a forma como essas pessoas querem que seja, a forma que elas se sentem bem.
Além disso, tem-se uma curiosidade: “Assexuais praticam a masturbação?”. Bom, uns sim, outros não. Os que fazem costumam dizer que está mais associado a uma necessidade fisiológica, que o fazem sem pensar em muita coisa.
F.A.Q. sobre Assexualidade
01 – Supondo que minha personagem encontrou uma pessoa legal e eles decidiram que não praticariam sexo antes do casamento. Durante esse tempo, eles seriam assexuais?
Não. Ser assexual não é a mesma coisa que não ser praticante de sexo. A assexualidade está envolvida na falta de atração pelo ato. Uma pessoa que não tem a vida sexual ativa não tem relação alguma com assexualidade, ainda mais se tratando desse tipo de promessa (já que, depois do casamento, eles praticariam o sexo).
02 – Quero fazer uma personagem assexual arromântica, como fazê-la dentro de um grupo de não-assexuais?
Faça um personagem normal, nada muda. A pessoa arromântica não fica incomodada ao ver os românticos tendo suas relações, afinal, não é aquilo que a agrada.
03 – Se minha personagem sofreu abuso sexual e ficou com trauma de sexo, isto a torna assexual?
Nesse caso, já parte para uma questão mais psicológica. O trauma até pode fazer a pessoa perder o gosto pelo ato sexual e se sentir satisfeita com isso, mas depende muito do psicológico da personagem. Numa fic, é necessário deixar essas informações bem claras (da satisfação da personagem, etc).
04 – Vi que alguns dizem “Assexuado” e outros dizem “Assexuais”. Tem termo correto?
Bom, “assexuado” dá a ideia de pessoa sem genitália, enquanto “assexual” dá a ideia que estamos costumados a conhecer, portanto, é recomendável que se use o segundo termo.
05 – Eu tive uma ideia para um enredo interessante: um assexual arromântico que, por não se preocupar com sexo e amor, acabou desenvolvendo maior capacidade mental. Isso tem chance de dar certo?
Não. Sexualidade não define ninguém. Fazer ou não fazer sexo, amar ou não amar não deixa ninguém mais burro ou mais inteligente. Trata-se de um enredo preconceituoso.
Conclusão
Independente se a pessoa gosta de ambos os sexos ou de nenhum, é preciso representar da melhor maneira possível nas fanfics. Respeite suas personagens, tente entendê-las, pensar como elas e até quebrar um pouco os seus próprios conceitos, é uma ótima dica para tentar compreender o lado diferente da sua personagem.
Novamente com pesquisas grandes, então vou resumir dois sites ótimos:
http://assexualidade.org/faq - O que é a assexualidade?

Artigos relacionados

6 comentários

  1. Wow. Isto foi novidade para mim. Eu não sabia da existência de pansexuais, assexuais e arromânticos até agora, tenho que assimilar mais as coisas. Antes de ler, eu pensava que assexual era o mesmo que assexuado.
    Obrigada, liga dos betas ;)

    ResponderExcluir
  2. Sobre pansexualidade, a definição geral é de uma pessoa que acha o gênero uma característica irrelevante para sentir atração por alguém (é claro, a definição varia de pessoa para pessoa, mas essa é a mais comum).

    E bissexuais podem se sentir atraídos por pessoas fora do gênero binário. (bi= atraído por pessoas de gêneros similares e diferentes)

    ResponderExcluir
  3. Pansexualidade
    Pan = Todos
    Também conhecida como Omnissexualidade
    Pansexual - Indivíduo que sente atração por todos os gêneros/independentemente do gênero.
    Panelas, panfletos, árvores, animais, crianças, mortos e etc. não são cobertos pela pansexualidade.
    Essa é a definição oficial ao menos (assim como heteros se sentem atraídos pelo sexo oposto).

    ResponderExcluir

O blog da Liga é um espaço para ajudar os escritores iniciantes a colocarem suas ideias no papel da melhor maneira possível.