20 Dicas para Manter a Inspiração

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Por: Hannah Dias



Olá, pessoal! Mais um post meu aqui no blog, que coisa linda!

Estamos aqui hoje para conversar sobre um assunto que todo escritor precisa parar para pensar um pouco. Utilidade pública, galera! O tema desse post é: INSPIRAÇÃO.

Essa palavrinha linda contrapõe uma chatinha que é a DESMOTIVAÇÃO, antônima da palavra MOTIVAÇÃO, que está ligada à INSPIRAÇÃO. Vamos falar disso hoje. Primeiro porque todo mundo precisa de um discurso bonito para melhorar o ânimo, segundo porque eu também estou precisando de um empurrão para tomar vergonha na cara e escrever minhas histórias.

Eu sei que a criação de uma história pode ser extremamente gratificante. Tudo parece em paz com a vida. O céu sorri para você. Os dias estão mais bonitos e parece que o Universo finalmente (finalmente!!) está ao seu lado para dar um "up" nas situações que você vive. Somos escritores aqui, tendeu? Eu sei disso. Tu sabes disso. Machado de Assis sabia disso.

O problema começa quando esse processo maravilindo tem alguns problemas no caminho. E eles são horríveis. Tudo despenca. Você não consegue escrever uma frase. Seus personagens não têm sentido, as cenas que pulavam na sua cabeça desapareceram e/ou perderam o brilho, sua gramática foge dos seus dedos e parece que aqueles bons 12 anos de escola não fizeram nenhuma diferença na sua vida. E o que você faz? Você desiste, deixa para depois, sente inveja do amiguinho que consegue escrever uns 20 parágrafos em uma tarde, toma um pote de sorvete, chora um pouquinho e vai assistir série.

Sem julgamentos. Eu também faço isso.

            Todo mundo fala da boa vida de escritor, mas ninguém te conta os contras que essa profissão incrível traz. Baixa autoestima, desespero, desesperança, tudo isso vem junto da alegria, realização e confiança.

            Mas, eu vou te contar um segredinho: todo aquele sentimento que você está falhando em toda palavra que escreve? Ele não existe de verdade. Você apenas falha quando PARA de escrever.
            Vou te dar 20 dicas para se motivar e se inspirar. VINTE! Vinte que vieram da minha cabeça e das pesquisas que o amigo Google proporciona. Todos eles funcionam, caso você esteja em sintonia com aquilo que ama: escrever.

1.      Escolha uma área agradável para escrever: Posso ser sincera e dizer que essa dica realmente funciona. Estou morando há quatro anos em Brasília, mas antes morei no Rio Grande do Sul. E quando me mudei, meu quarto era bem feinho. A luz era péssima, a cor da parede me lembrava vômito (sem brincadeira) e o meu guarda-roupa parecia aquele que leva a Nárnia. Pedi para minha mãe uma mudança e deixei tudo do jeito que eu mais queria. Hoje, amo escrever quando estou no meu quarto. Um sentimento bom demais.
2.      Tenha momentos de pausa: TODO mundo precisa dar um tempo em seu ofício. Mesmo o trabalho mais prazeroso pode causar estresse. Vá ler um bom livro, assistir um filme ou passear com o seu cachorro. Isso é uma ordem!!
3.      Desenvolva uma rotina: Eu acredito que aquela famosa expressão de "viver no automático" pode fazer bem. Uma rotina é o que mais motiva uma pessoa para levantar e fazer aquilo que está planejado para o dia. Existem diversas maneiras para planejar a sua rotina de forma divertida e gostosa. Quem sabe um planner ou um bullet journal?
4.      Identifique e SUPERE as suas limitações: Veja o que está te prendendo e tente mudar isso. É por causa da falta de vocabulário? Leia um livro. Falta de ideias? Veja um filme. É baixa autoestima? Leia esse post!
5.      Confie em sua criatividade: Ser um escritor é ser um ARTISTA. Você já tem toda a criatividade necessária para escrever uma boa história. Faz parte de quem você é. Confie nisso.
6.      Continue, continue, continue: Continue escrevendo! Não para! Go, go, go! Confie em si mesmo e pegue o papel (ou o computador) e escreva o que quiser. Nem que seja uma lista de compras do mês.
7.      NUNCA pare de aprender: Nosso português é rico em regras, palavras e tudo que há de bom. E, por ser tão diverso, é preciso ter sempre uma gramática por perto para estar "bebendo" do conhecimento contido nela. Minha antiga professora de português falava que a gramática era igual a problemas matemáticos: tem que treinar bastante! Aliás, não apenas a gramática! Exercite a sua mente em diversas áreas de aprendizagem para que suas histórias sejam ricas em conhecimento!
8.      Seja amoroso consigo mesmo: Por tudo que é mais sagrado, se trate com carinho. Você merece. Não seja exigente demais. Perfeccionista demais. NADA "demais". Apenas entenda que você tem (e vai continuar tendo, deal with it!!) limites e precisa aceitar eles, para que possa superá-los de maneira saudável.
9.      Lembre-se do porquê você escreve: Essa é uma dica importante. Por que você escreve?
10.  Comemore suas vitórias: Não existe pequena ou grande vitória. Qualquer meta que você cumpre merece comemoração. Se conseguiu escrever um parágrafo inteiro, fique feliz! Saia com os seus amigos, coma um pedaço de bolo, dance sozinho no quarto. Continue se motivando!
11.  Escreva o que você quiser: "Mas, se o que eu quiser escrever for muito comum?" Ok, pode ser comum, como um romance entre nerd e popular. Já vimos várias vezes, blah blah blah. O problema é que ainda não vimos o que foi escrito por você. Comum ou não. Sendo de sua autoria já será, na simplicidade da palavra, original.
12.  Assista filmes/séries ou ouça músicas que você ame: Como eu disse, somos artistas. Artistas precisam estar em contato com outros artistas. Pense comigo: uma música foi escrita por alguém. Querendo ou não, essa pessoa é um escritor e isso pode te motivar. Um filme ou uma série tiveram roteiros escritos por pessoas (alô, Shonda Rhimes, maravilhosa!!) e isso também pode te inspirar. Observar o trabalho de outras pessoas sempre faz bem para o nosso próprio desenvolvimento pessoal.
13.  Leia, leia e leia mais um pouco: O lado bom de ser escritor é a oportunidade de simplesmente GOSTAR de ler livros o tempo todo. Aprecie isso. Lendo, a sua escrita melhora uns 20% (nada fundamentado, apenas chutei um número. Hehe). Por que não? Além disso, ler é muito bom, gente. Fala sério!!
14.  Peça conselhos: O lado bom de se ter um beta (eu tive uma e ela estará sempre em meu coração) é que você aprende MUITA coisa. Com a minha beta (que tive aos meus 12 anos), aprendi tanto sobre escrever que fico até assustada. Sempre que eu tinha dúvidas, ela me ajudava com muita paciência e isso é muito bom. Peça ajuda das pessoas. Pergunte o que você não sabe. E veja a mágica acontecer.
15.  Planejar é legal, mas ficar apenas no planejamento não: Eu amo criar fichas e fichas de personagens para uma história nova. Eu crio de tudo. Parece que é a minha história em tópicos! O problema é ficar apenas no planejamento e nunca partir para a escrita, né? Planejar é bom, mas escrever é melhor.
16.  Veja fotos no Pinterest (hahaha!): ESSE EU AMO! PARA TUDO! Há dias que fico mais de duas horas apenas vendo foto no Pinterest e lá tem tanta coisa para se inspirar. Fique uma meia hora pesquisando fotos lá e entre para esse mundo repleto de inspiração!
17.  Mantenha perto o que te deixa feliz: Quando for escrever, deixe uma foto que você ama por perto. Um quadro, um livro, um objeto… Qualquer coisa que só de você olhar, já te coloque aquele sorrisão no rosto.
18.  Acredite na sua capacidade: Você é capaz. Tudo está ao seu alcance! Entenda e sinta isso. Você pode escrever uma boa história. Você pode escrever um bom livro. Você consegue. Tudo que você desejar já é seu.
19.  Cerque-se de pessoas que te apoiam: Ter um grupo de pessoas que estão sempre dispostos a te animar, te ajudar e te lembrar o quanto você é incrível ajuda muito. Ter a liberdade de simplesmente contar o que nos incomoda para outras pessoas que sabemos que nos amam é incrível. E sempre existirão pessoas assim. Sempre! Procure, encontre e mantenha elas em um potinho!
20.  Divirta-se: Escreva feliz. Esse é o maior segredo para se livrar da desmotivação e da falta de inspiração. Felicidade. Diversão. Encontre isso e fique bem!

Ufa! Gente, que lista longa!

Eu quero todos bem, escrevendo até a mão não aguentar! Eu quero que essa geração de escritores encontre no papel (ou no computador) uma forma de se sentirem livres e desinibidos. Fortes, confiantes e felizes. Não sejam tímidos. Escrevam. Está ruim? Ótimo! Continue! Está bom? Melhor ainda! Continue!

Lembre-se de uma coisa fundamental: talento é importante para escrever bem, mas o verdadeiro talento é ter a determinação para seguir em frente.

O verdadeiro segredo para sua motivação, o verdadeiro segredo para sua inspiração está nisso: Continue escrevendo. Persevere. Não pare. Não tenha medo de falhar (e o que é "falhar", afinal?). Eu disse antes e repito: você só está falhando quando para de escrever.

11 comentários:

  1. Que arraso de post, Hanna! <3 Vou deixar ele salvo aqui nos meus favoritos para acessar sempre que bater aquele desespero.
    Suas dicas foram muito sensíveis e gostosas de se ler. Me senti abraçada lendo todas elas e descobrindo novos caminhos para me manter escrevendo. Adorei forte!
    Além do Pinterest, eu uso muuuuito o We Heart It, que é um lugar super amorzinho para se conseguir imagens bonitas e inspiradoras.
    Espero que a senhorita volte a postar aqui. u.u
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Mano do céu! Me abraça! Que post maravilhoso! Me identifiquei taaaanto que até escorreu uma lágrima :v
    Falando sério, muito obrigada pelas dicas valiosas. Eu estava precisando ler isso e adorei o jeitinho motivador como foi escrito. Me senti assistindo a história de vida de Joseph Climber kkkkk
    Parabéns pelo artigo e por ajudar tantos autores com o blog.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uiahiauhaa..... MANO DO CÉU... auihaiuhaia....ME ABRAÇA....auihaiuahuia...chorei rindo desse post do Hunter

      Excluir
  3. Texto extremamente motivador e um ótimo tapa na cara hahahaha. Vou guardar esse link para seu texto toda vez que eu bloquear.

    ResponderExcluir
  4. Lindo post! Todas as motivações são muito verdadeiras e a maior delas é que você tem que se divertir escrevendo ou está perdendo tempo. Teve uma época que quis produzir porque queria publicar um livro. Terminei meu livro? Sim. Deu certo publicar? Ainda não. Voltei para aa fics e me sinto leve novamente! Diversão. Quando me sentir assim pra escrever um original novo, vou estar no céu. Parabéns pelo post lindo!

    ResponderExcluir
  5. Primeiro, parabéns pelo post maravilhoso. Todas as coisas ditas aqui são verdades absolutas e gosto demais de pensar que a última é a maior de todas. Teve um período em que eu me perdi na escrita e me dediquei total e completamente para originais com o intuito de publicar um livro. Apenas. E no final das contas, eu escrevia com frequência, uma boa história, mas por mais que eu ame e seja um dos originais que eu tenho apreço, me exauriu. E eu não consegui a tão almejada publicação ainda. Voltei pro mundo das fics e veio uma leveza inexplicável. Amava escrever de novo. Assim. Simples. Quando tiver pronta, vou voltar pros originais. Vou tentar me publicar. Até lá, to bem feliz assim. Otimo post!

    ResponderExcluir

O blog da Liga é um espaço para ajudar os escritores iniciantes a colocarem suas ideias no papel da melhor maneira possível.



As imagens que servem de ilustração para o posts do blog foram encontradas mediante pesquisa no google.com e não visamos nenhum fim comercial com suas respectivas veiculações. Ainda assim, se estamos usando indevidamente uma imagem sua, envie-nos um e-mail que a retiraremos no mesmo instante. Feito com ♥ Lariz Santana