A Playlist de Hayden

Oi, oi, gente! O blog da Liga recebeu, na semana passada, a prévia do próximo lançamento da Novo Conceito, que vai acontecer no dia 6 ...

Oi, oi, gente!
O blog da Liga recebeu, na semana passada, a prévia do próximo lançamento da Novo Conceito, que vai acontecer no dia 6 de abril de 2015.
Eu já dei uma conferida nos capítulos disponibilizados da obra e vim compartilhar com vocês minhas primeiras impressões.

Título original: Playlist for the dead
Título brasileiro: A playlist de Hayden
Autora: Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito
Tradução: Amanda Orlando

Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola — o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente.
Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.
A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

PARA SAM.
OUÇA. VOCÊ VAI ENTENDER.”

Essa foi a frase escrita no bilhete que Sam encontrou junto ao corpo inerte do melhor amigo, Hayden. Ao lado dele, havia um pen drive contendo uma playlist. Foi assim que Sam se decidiu por chamar a emergência, mas já era tarde demais.
Encontrar o melhor — e único — amigo morto foi uma surpresa para Sam. Na verdade, surpresa é um eufemismo. Isso o abalou muito, trazendo à tona uma raiva inestimável. Foi difícil para Sam enfrentar o funeral, ainda mais ao assistir a todas aquelas pessoas que sempre maltrataram Hayden agindo como se fossem sofrer sua perda por cada mísero segundo de suas vidas.
Em meio a seu luto, Sam conhece Astrid, e descobre que aquela garota que desperta nele sentimentos inexplorados, por ter sido amiga de Hayden também, mesmo que ele jamais tivesse compartilhado a informação com Sam.
A perda do amigo é difícil... seguir a vida sem ele, de algum modo, não parece certo. Não quando Hayden deu cabo da própria vida. Não quando na noite anterior ao suicídio os dois tiveram uma briga que, possivelmente, poderia ter sido a causa do fim da amizade de anos.
E a verdade é que ouvir a playlist que Hayden lhe deixara não estava fazendo com que Sam entendesse o porquê de o melhor amigo ter chegado a uma medida de fuga tão radical.
Com capítulos pequenos e em linguagem simples, A playlist de Hayden é um livro narrado em primeira pessoa, pelo próprio Sam. É através dele que conhecemos Hayden e a vida conturbada que levava, e vemos como nasceu a amizade dos dois.

Esse pode até não ser um livro sobre um grande amor, e certamente não é sobre a bravura de alguém que enfrenta todos os obstáculos. Mas, certamente, é um livro sobre uma grande amizade, e vale a pena conferir.

Artigos relacionados

0 comentários

O blog da Liga é um espaço para ajudar os escritores iniciantes a colocarem suas ideias no papel da melhor maneira possível.